Paróquia Sagrado Coração de Jesus
Paulínia/SP - Arquidiocese de Campinas
Sempre de portas e coração abertos para acolher
Igreja Matriz (foto tirada em um drone)
  Igreja Matriz (foto tirada em um drone)  

  



Notícias


Arquidiocese: 110 anos de criação - 07/6/2018


Arquidiocese 110 anos: Em comunhão, construímos a história




Foto: Arquidiocese    Clique na imagem para ampliar

 

 

 

 

Arquidiocese: 110 anos de criação
Em comunhão, construímos a história

Arquidiocese: 110 anos de criação

São 110 anos da criação da Diocese de Campinas e 60 anos de sua elevação a Arquidiocese

          No dia 07 de junho de 1908, o Santo Papa Pio X, pela Bula “Diocesium nimiam amplitudinem”, criava a Província Eclesiástica de São Paulo, tendo como sufragâneas a Diocese de Curitiba e as cinco novas Dioceses paulistas de Taubaté, Campinas, Botucatu, São Carlos e Ribeirão Preto. A Bula foi executada junto ao governo brasileiro em 08 de setembro do mesmo ano pelo Núncio Apostólico, Dom Alexandre Bavona, e proclamada, com a inauguração da Diocese, por ordem do Arcebispo de São Paulo, Dom Duarte Leopoldo e Silva, no dia 18 de outubro de 1908, na nova Catedral, por Mons. Francisco de Campos Barreto.

          O primeiro Bispo da Diocese de Campinas, Dom João Batista Corrêa Nery, foi nomeado no dia 03 de agosto de 1908, transferido da Diocese de Pouso Alegre, e tomou posse no dia 1º de novembro de 1908, na Catedral Nossa Senhora da Conceição.

          Depois, em 18 de abril de 1958, pela Bula “Sacrorum antistitum”, o Papa Pio XII criou a Província Eclesiástica de Campinas, elevando a Diocese a Sede Metropolitana e nomeando Dom Paulo de Tarso Campos como primeiro Arcebispo Metropolitano de Campinas. A instalação Canônica da Arquidiocese de Campinas se deu no dia 16 de novembro de 1958, na Catedral, com a presença do Núncio Apostólico, Dom Armando Lombardi, e a imposição do Pálio Arquiepiscopal a Dom Paulo.

          Foram (Arce)Bispos de Campinas: Dom João Batista Corrêa Nery (03/08/1908-01/02/1920); Dom Francisco de Campos Barreto (30/06/1920-22/08/1941); Dom Paulo de Tarso Campos (17/12/1941-27/09/1968); Dom Antônio Maria Alves de Siqueira (27/09/1968-10/02/1982); Dom Gilberto Pereira Lopes (10/02/1982-02/06/2004); Dom Bruno Gamberini (02/06/2004-28/08/2011); Dom Airton José dos Santos (15/04/2012-25/04/2018).

 

 

Fonte: Arquidiocese






Destaques





Mais notícias

20/09/18 - Artigo: Setembro Amarelo 
13/09/18 - Artigo: Coitadinhos 
06/09/18 - Artigo: Medidas preventivas 
29/08/18 - Artigo: Honestidade 
27/08/18 - Festival da Pizza: Agradecimentos 
27/08/18 - Movimento Mãe Rainha: Um dia com Maria 
25/08/18 - 4° Domingo: Vocações Leigas - Dia dos Ministérios Leigos 
24/08/18 - Momento de Espiritualidade 
23/08/18 - Noite Italiana 
23/08/18 - Artigo: Quem deve usufruir da LIBERDADE 
22/08/18 - Comunidade Santa Teresinha: Festa Padroeira 
22/08/18 - Momento de Espiritualidade 
22/08/18 - Catecumenato Adultos: 20 catequizandos recebem Sacramentos 
20/08/18 - Apostolado da Oração: Chá Beneficente 
20/08/18 - Resumo Semana da Família 2018 
19/08/18 - Catequese: Visita Santuário Mãe Rainha 
17/08/18 - 3° Domingo: Vocação à vida consagrada 
16/08/18 - Padre Paulo: 20 anos de Ordenação Sacerdotal 
16/08/18 - Artigo: Segurança Pública em Paulínia: Um modelo pioneiro 
14/08/18 - Catequese: Confraternização dia dos pais 
10/08/18 - 2° Domingo: Vocação Familiar 
09/08/18 - Artigo: Devemos mudar nossa lei penal? 
06/08/18 - 21 casais participaram da preparação para o Matrimônio 
05/08/18 - Agosto, o mês das vocações 
04/08/18 - 04 de agosto: dia do Padre 
03/08/18 - Semana da Família 2018: Programação 
03/08/18 - Igreja no Brasil defende posição na luta contra o aborto 
02/08/18 - Artigo: Cidadão, nosso maior colaborador é você! 
27/07/18 - Artigo: Suicídios 
20/07/18 - Artigo: Prevenção Primária